quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Força Sindical na luta pela aprovação do projeto que legaliza os bingos

Nesta semana, enviamos aos parlamentares federais gaúchos documento solicitando o apoio para a aprovação do projeto que legaliza os bingos no país. Também já solicitamos audiência com a Bancada Gaúcha, atualmente presidida pelo deputado Beto Albuquerque do PSDB. Encontro deve ocorrer na próxima reunião, na sexta-feira que vem.

Excelentíssimo Senhor Deputado Federal
Ref. LEGALIZAÇÃO DOS BINGOS
- Pede voto favorável -

Como é do conhecimento de Vossa Excelência, a CCJ da Câmara Federal aprovou no último dia 15 de setembro, por ampla maioria de votos, o projeto de lei (substitutivo do PL 2.254/04, do Dep. João Dado (PDT/SP) que legaliza bingos e caça-níqueis em todo o País.

Vale ressaltar que a proposta aprovada na CCJ, que segue agora para apreciação do Plenário, prevê que 17% das receitas dos bingos, descontadas as premiações pagas, sejam destinados a fundos de saúde, cultura e esportes. Além disso a proposta assegura amplo controle por parte da Receita Federal às atividades dos estabelecimentos do referido ramo.

Observa-se que o projeto de legalização dos bingos e caça-níqueis aprovado pela CCJ é cuidadoso no sentido de estimular as virtudes e colocar obstáculos aos aspectos negativos da atividade. Esse fato por si só recomenda a apreciação da matéria com o foco exclusivo em seu maior benefício, que está na criação de milhares de empregos.

Importante ressaltar que o projeto – que não trata de casas de jogos ou cassinos – é detalhista quando prevê que os estabelecimentos em que funcionarem bingos ou máquinas caça-níqueis devam localizar-se distantes de escolas ou igrejas e não poderão ser freqüentados por menores de 18 anos (mesmo em companhia de responsáveis). A proposta prevê, ainda, que as casas terão que distribuir como prêmios 80% do total pago pelos apostadores.

Cabe lembrar que a Organização Mundial do Comércio é a favor dos jogos e que o Brasil é o único país que o Governo, até então, mantém a posição do fechamento.

Pelas razões acima e por tantas outras que com boa vontade poderão ser consideradas como positivas, a Força Sindical do RS, em nome de milhares de trabalhadores desempregados, pede o VOTO FAVORÁVEL de Vossa Excelência quando da votação da matéria em referência,

Respeitosamente.

Força Sindical
Clàudio Janta
Presidente

Um comentário:

  1. FALSO MORALISMO DE INDIVÍDUOS QUE PELOS SEUS DEPOIMENTOS SE JULGAM OS
    DEFENSORES ILIBADOS DA MORAL E DOS BONS COSTUMES.PREOCUPAM-SE COM OS BINGOS APONTANDO APENAS DEFEITOS E AGREDINDO A INTEGRIDADE DOS EMPRESÁRIOS DESTA ATIVIDADE QUE EXISTE EM TODO MUNDO, MENOS BRASIL E CUBA. ESTES MESMOS PELO SEU ESTILO CONSERVADOR DEVEM SER CONTRA A MINISAIA. DEFENDER A VIRGINDADE. ACREDITAR NO PAPAI-
    NOEL.E NÃO EVOLUEM.E MAIS!!! A MAIORIA QUE É CONTRA BINGO DÁ PALPITE SEM CONHECIMENTO DE CAUSA. NUNCA JOGARAM NEM ENTRARAM NUMA CASA.
    FALAM BOBAGEM COMO "LAVAR DINHEIRO"
    MÁFIA. QUALQUER TÉCNICO DA RECEITA FEDERAL DEVE SABER QUE LAVAR DINHEIRO, ATÉ UMA INDÚSTRIA LAVA. BASTA TER UM BLOCO DE NOTAS FISCAIS
    EMITI-LAS E PAGAR O IMPOSTO. ESTÁ LAVADO O DINHEIRO QUE INGRESSOU VIA
    DOCUMENTOS CONTÁBEIS E FISCAIS.
    EU tenho conhecimento de uma pessoa que LAVAVA DINHEIRO EM UMA METALÚRGICA E SE
    ATRAPALHOU QUANDO A METALÚRGICA COMEÇOU A DAR MUITO LUCRO OPERACIONAL, QUE SOMADO ÀS NECESSIDADES DA LAVAGEM(EMISSÃO DE NOTAS DE VENDAS FRIAS)ELEVARIA EM MUITO O LUCRO DA EMPRESA.
    O BRASIL TEM MAFIA DE DROGAS(NARCOTRÁFICO)
    O BRASIL TEM MAFIA DE PEDOFILIA
    O BRASIL TEM MÁFIA DE POLÍTICOS
    O BRASIL TEM MÁFIA DE EMPREITEIRAS
    O BRASIL TEM MÁFIA DE FARMÁCIAS
    O BRASIL TEM MÁFIA DE REMÉDIOS FALSOS
    O BRASIL TEM MÁFIA DE TURISMO SEXUAL E OUTRAS TANTAS QUE NEM ME LEMBRO.
    E O BINGOS ESTÃO PROIBIDOS. AMEAÇAM OS APOSTADORES(VELHOS) CLANDESTINOS TRATAM OS COMO BANDIDOS, QUANDO DEVERIAM SE PREOCUPAR COM OS DE VERDADE.
    SÓ ACREDITANDO EM PAPAI NOEL MESMO!!!!!!!

    ResponderExcluir