sábado, 7 de janeiro de 2012

Cesta básica de Porto Alegre é a segunda mais cara do País

Dieese divulgou alta de 9,8% em 2011, com valor de R$ 276,86

A cesta básica no acumulado de 2011 aumentou 9,8% em Porto Alegre, segundo pesquisa divulgada nesta quinta-feira pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

Apesar do crescimento no total do ano, em dezembro, o valor da soma dos treze produtos essenciais obteve queda de 0,99%. Assim, a cesta básica fechou o ano custando R$ 276,86. O valor é o segundo mais alto do país, perdendo apenas para São Paulo, que registrou R$ 277, 27 no período.

Segundo o supervisor técnico do Dieese/RS, Ricardo Franzoi, a expectativa é de que em 2012 haja uma redução no valor da cesta básica, podendo ser o ano em que haverá o menor comprometimento do salário mínimo com os gastos de alimentação.



- Apesar de serem tendências ainda, a crise internacional deverá fazer com que alguns produtos tenham redução no seu preço em função da queda no mercado externo, como é o caso dos commodities. Mesmo assim, alguns itens, como os hortigranjeiros, poderão ter alta com a estiagem, mas ainda não está determinado quanto isso representará - disse.

Fonte: Rádio Guaíba




Nenhum comentário:

Postar um comentário