terça-feira, 8 de maio de 2012

Menor jornada de trabalho é significado de avanço na economia e melhor qualidade de vida para o trabalhador

A redução da jornada de trabalho é a principal medida que o país deve adotar para avançar ainda mais na superação da crise econômica. Reduzir a jornada de 44 para 40 horas semanais, sem reduções dos salários, incrementa a produção, estimula a economia e reduz gastos sociais. Além disso, é importante destacar que a jornada de trabalho no Brasil é uma das maiores do mundo. 

O recém empossado ministro do Trabalho, Brizola Neto, também apoia a redução da jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais. Esta é uma demanda antiga das centrais sindicais, que podem ter mais este apoio para mudar a lei. 


Segundo um estudo do Dieese publicado em 2010, a jornada de 40 horas semanais poderia gerar mais de 2,5 milhões de postos de trabalho.

É preciso valorizar os trabalhadores e sua capacidade de produzir, pois a redução da jornada de trabalho está atrelada diretamente à melhor qualidade de vida. Apostar nesta redução semanal é jogar no time avanço da economia, da produtividade, com maior qualificação profissional, e da saúde e felicidade da família dos trabalhadores brasileiros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário