quinta-feira, 24 de maio de 2012

Passageiro é expulso após se recusar a voar com pilota

Um homem foi expulso de um voo da companhia Trip Linhas Aéreas por dizer que não voaria com uma mulher pilotando um avião. O caso ocorreu na última semana, no aeroporto Tancredo Neves, em Confins, região metropolitana de Belo Horizonte.
 

Olha só que absurdo! No embarque, o homem avistou a comandante e disse para a tripulação que se recusava a viajar em voos comandados por mulheres. 

A comandante então chamou a Polícia Federal e pediu que o passageiro saísse do avião.  


“Ele disse que não iria sair”, conta o jornalista Paulo César de Oliveira, 66, para o jornal Folha de São Paulo. “Atrasamos mais ou menos uma hora por conta desse rapaz, de uns 40 anos. Ele saiu sorridente. E levou uma vaia”, disse. 

As mulheres são parte integrante da classe trabalhadora. Constroem, assim como os homens trabalhadores, toda a riqueza deste país. Não é mais possível tolerar esse tipo de desigualdade. Essa deve ser uma luta de toda a classe trabalhadora!

Nenhum comentário:

Postar um comentário