terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Lula com os portuários

"O ex-presidente Lula disse aos presidentes da CUT, Wagner Freitas; e da Força Sindical, Paulo Pereira da Silva, que a ministra Gleisi Hoffmann (Casa Civil) está com problemas na condução da MP dos Portos e que conhece pouco do assunto. Na reunião, em São Paulo, Lula afirmou conhecer de perto as dificuldades dos estivadores e que não se pode permitir que o governo retire direitos."

Nota publicada pelo colunista Ilmar Franco no jornal O Globo, nesta terça-feira (26/02).

Ontem os portuários de Santos estiveram reunidos e sinalizam que se as negociações com o governo federal não derem certo a próxima greve será de, no mínimo, 24 horas. Depois das paralisações realizadas até agora, o governo já indica que estará disposto a dialogar com os trabalhadores, que é o que deverá garantir de fato as mudanças necessárias na MP e assegurar os direitos adquiridos pelos trabalhadores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário