domingo, 6 de julho de 2014

Um novo Rio Grande e um novo Brasil com fé, esperança, força e solidariedade

Amigos e amigas de todo o Rio Grande,

Estamos começando mais uma campanha eleitoral, para a qual gostaria de contar com a inicial atenção de todos. Estamos em um momento importante da vida do país, em que os trabalhadores e povo precisam ter uma posição clara. Além de votar, é fundamental debater, questionar, estudar as propostas e, principalmente, apostar em quem já foi “testado e aprovado” na luta do povo e no parlamento.

Sou o 8ª vereador mais bem votado de Porto Alegre nas últimas eleições, com 10.675 votos, entre 36 eleitos. Fui eleito por aqueles que queriam mudanças na saúde, no transporte, na segurança e na educação. Em um ano e meio de mandato, cumpri com todos os compromissos assumidos, legislando para os trabalhadores e suas famílias em todas as áreas.

Nesse período, entre outras ações, garantimos medidas e recursos para ampliação do horário de abertura dos Postos de Saúde na capital, um dos resultados da nossa ação parlamentar. Com emendas ao Plano Plurianual (PPA), a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e a Lei Orçamentária Anual asseguramos a abertura dos Postos de Saúde até 22 horas e recursos para o seu funcionamento.

Por meio de várias emendas e projetos em favor dos usuários, motoristas, cobradores de ônibus e também em benefício dos taxistas, nosso mandato destacou-se como um importante instrumento na defesa do transporte público. Aprovamos o projeto “Casa Segura” para evitar tragédias com a da boate Kiss. E presidimos a CPI da Telefonia para melhorar a qualidade dos serviços.

Ao mesmo tempo, como presidente da Força Sindical, mantive a mobilização em defesa dos interesses da classe trabalhadora, de todas as categorias, em todo o Estado. Lutamos para garantir o Piso Regional, conquistar aumento real de salários e os empregos dos trabalhadores gaúchos. Ano passado, estivemos à frente da maior greve geral da história do Rio Grande do Sul.

Agora, quero ampliar a luta na Câmara Federal para fazer o estado e o pais avançarem. Assim como fiz para vereador, quero assumir o compromisso de lutar na Câmara Federal pela correção do FGTS e da tabela do Imposto de Renda, pela valorização do Salário Mínimo e pelo Fim do Fator Previdenciário. E também por um novo Pacto Federativo e pela Reforma Tributária, com menos impostos.

O Brasil precisa crescer, desenvolver sua economia com solidez, com apoio para a produção, juros baixos e garantia de direitos dos trabalhadores. O Rio Grande do Sul precisa deixar de ser o “estado do não”, para construir o desenvolvimento para todos, fortalecendo todas as regiões. Isso é possível, com fé, esperança, força e, principalmente, solidariedade entre todos os gaúchos e brasileiros.

Um abraço a todas e a todos. Conto com o apoio e o voto de cada um, dos seus familiares e dos seus amigos.

Clàudio Janta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário