terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Participação no programa Conversas Cruzadas

Durante o debate que participei no programa Conversas Cruzadas, ontem na TVCOM, discuti as medidas provisórias anunciadas pelo governo federal que tratam os benefícios previdenciários. 

Iniciei o debate afirmando que nem que a vaca tussa vão mexer no direito dos trabalhadores. Dia 30 de dezembro a presidente não só anunciou as alterações no seguro-desemprego, abono salarial, pensão por morte, auxílio doença, como fez esse estrago todo em nome da previdência, que é um estrago mentiroso, porque a maioria desse dinheiro vem do FAT, que vem do PIS e que é utilizado pelo BNDES. Querem cobrir os rombos que existem! Há 4 anos este banco não reconduz os conselheiros e ninguém diz os motivos!



Em nenhum momento conversaram sobre estas questões com nós, sindicalistas. Isso é uma traição com o povo e para os trabalhadores. Anuncio que a Força Sindical-RS vai lutar e entrar com ação contra essas medidas.

Defendi, ainda,  o fim das emendas parlamentares, que é a maior sacanagem usada pelo governo para chantagear os deputados. Dizem quem não tem dinheiro para manter os direitos os trabalhadores, mas o governo deu 900 milhões em emendas para os deputados aprovarem o fim da responsabilidade fiscal. Assistimos uma gastança imensa e quem vai pagar a conta de novo é quem menos ganha, os trabalhadores.


Durante o programa o apresentador Claudio Brito me parabenizou pela grandeza de ir até a última instância na busca por justiça na campanha eleitoral de 2014. Lutei para provar que nada devia para a Justiça Eleitoral, utilizando dos mecanismos legais e travando uma batalha em favor da dignidade. Me sinto honrado por este momento!


Nenhum comentário:

Postar um comentário